História e Património

História

  • HistóriaO MUHNAC - Museu Nacional de História Natural e da Ciência é a designação pública da unidade Museus da Universidade de Lisboa, criada em outubro de 2011. Este Museu sucede ao Museu Nacional de História Natural e ao Museu de Ciência da Universidade de Lisboa, integrando as suas coleções, os antigos edifícios da Escola Politécnica, o Jardim Botânico de Lisboa e o Observatório Astronómico de Lisboa (desde julho de 2012).
  • O Museu Nacional de História Natural teve a sua origem no Real Museu de História Natural e Jardim Botânico, criado na segunda metade do século XVIII, na Ajuda (Lisboa). Foi depois alojado, por um curto espaço de tempo, na Real Academia das Ciências e finalmente transferido para a Escola Politécnica (1858), tomando primeiro a designação de Museu Nacional de Lisboa (1861).
  • O Jardim Botânico de Lisboa foi inaugurado em 1878.
  • Em 1911, com a criação da Universidade de Lisboa, o Museu foi declarado estabelecimento anexo à Faculdade de Ciências, tomando a denominação de Museu Nacional de História Natural (1926). 
  • Em março de 1978, um violento incêndio destruiu grande parte do edifício da antiga Escola Politécnica, assim como as coleções de Zoologia e parte das coleções de Geologia. A Faculdade de Ciências começou então o processo de mudança de instalações.
  • Em maio de 1985 foi criado o Museu de Ciência da Universidade de Lisboa, que passou a partilhar o espaço do Edifício da Politécnica com o Museu Nacional de História Natural.
  • Em 2003, novos estatutos dos museus autonomizaram-nos da Faculdade de Ciências, passando a ser tutelados diretamente pela Reitoria da Universidade de Lisboa.
  • Em outubro de 2011, o Conselho Geral da Universidade de Lisboa criou a Unidade Museus da Universidade de Lisboa, com a designação pública de Museu Nacional de História Natural e da Ciência. Este Museu sucedeu ao Museu Nacional de História Natural e ao Museu de Ciência, integrando as suas coleções, os antigos edifícios da Escola Politécnica, o Jardim Botânico de Lisboa e o Observatório Astronómico da Ajuda.

Património

Para além das coleções, biblioteca e arquivos históricos, os Museus da Universidade de Lisboa têm à sua guarda um magnífico património histórico e científico integrado.

São de destacar:

  • Observatório AstronómicoO edifício principal do MUHNAC - Museu Nacional de História Natural e da Ciência, classificado como imóvel de interesse público em 2013. Em estilo neo-clássico e da autoria do arquiteto francês Pierre-Joseph Pézerat, foi construído na década de 1850 para a Escola Politécnica, sobre as fundações de um anterior edifício seiscentista que já havia albergado o Noviciado da Cotovia (séc. XVII) e o Colégio dos Nobres (séc. XVIII).
  • O Laboratorio Chimico (1857-1890) e o Observatório Astronómico (1898), dois espaços oitocentistas únicos em Portugal.
  • O Jardim Botânico (1878), monumento nacional desde 2010.
  • O Real Picadeiro (1761) do antigo Colégio dos Nobres. Único edifício sobrevivente deste Colégio, com um magnífico teto de madeira, encontra-se classificado como imóvel de interesse público desde 1978.
  • A Sala de Leitura e a Biblioteca, que datam da Escola Politécnica de Lisboa (1837), mantêm a traça e mobiliário originais.
  • O Observatório Astronómico de Lisboa, na Tapada da Ajuda. Com o seu magnífico edifício principal e coleção de instrumentos de astronomia preservados in situ, foi criado em 1861.